TrocaLetras

25/07/2011

Coisas frágeis – Neil Gaiman

Filed under: Adulto,Ensaios,Fantasia — Pandora @ 15:26

O livro consiste em contos, todos inspirados em histórias já criadas, com inspiração em Matrix, Nárnia, Beowulf, a lenda da Fênix, Sherlock Holmes, entre outros.

Vou falar um pouco sobre cada conto:

UM ESTUDO EM ESMERALDA: Inspirado no universo sombrio de H.P. Lovecraft e tendo como personagem uma espécie de Sherlock Holmes. No geral é um bom conto, gostei particularmente do final, embora eu não goste do personagem de Holmes.

A VEZ DE OUTUBRO: Esse conto começou bem estranho, com uma reunião entre os meses do ano, até que Outubro toma a palavra e conta sua história sombria. Parece uma espécie de prelúdio para o livro de Gaiman “O livro do cemitério” onde há um garoto vivo e um garoto morto. O final foi legal, bem sombrio.

LEMBRANÇAS E TESOUROS: Um dos meus preferidos, também é um dos mais fortes e repugnantes. Sr. Alice e Sr. Smith são dois personagens extremamente interessantes e maléficos. Gostei muito desse conto.

OS FATOS NO CASO DA PARTIDA DA SENHORITA FINCH: Srta. Finch é uma personagem bizarra, inserida em um conto bizarro com um final bizarro. hahahaha Não gostei desse conto, e acho difícil dar uma resumida sem spoiller.

O PROBLEMA DE SUSAN: Inspirado em Nárnia, Gaiman deu sua versão para o fim das crônicas (e de Susan). Eu já não gosto das Crônicas de Nárnia e não gostei dessa visão de Gaiman também. Mas é um conto forte.

GOLIAS: Um conto futurista, escrito para o site do filme Matrix. Pra quem curte ficção científica, universos paralelos e afins, é um prato cheio. Mas não é a minha praia.

COMO CONVERSAR COM GAROTAS EM FESTAS: O conto retrata uma viagem turística à Terra, mas eu o achei sem pé nem cabeça. E o final foi, no mínimo, broxante.

O PÁSSARO-DO-SOL: Em quase todas as resenhas, esse conto figura como o preferido. É um conto estranho e não deixa de ser interessante, mas falta algo para que ele seja realmente bom. É um grupo de epicuristas que rodam o mundo comendo todos os tipos de especiarias e animais. E partem em busca do Pássaro do sol. Acho que faltou desenvolver um pouco a história.

O MONARCA DO VALE: O meu preferido. É uma releitura de Beowulf, novamente com os personagens mais detestáveis (e por isso mesmo marcantes) sr. Alice e sr. Smith. Gostei muito desse conto e o fato dele ter fechado o livro me fez ficar com uma melhor impressão do livro em geral.

Resumindo, é um livro meia-boca. Gaiman é um gênio, mas não acho que seja um bom contista, precisando de mais tempo para organizar e expor suas idéias doidas. Em livros longos, ele se dá melhor.
Fiquei um pouco chateada, eu esperava realmente um livro foda.

“Acho que prefiro me lembrar de uma vida desperdiçada com coisas frágeis, a uma vida gasta evitando a dívida moral”. O nome do livro é poético e veio dessa frase =)

Pandora

Deixe um comentário »

Nenhum comentário ainda.

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: